Destaque

Aplicativo: VK

Há muito tempo eu estava procurando por um bom aplicativo de músicas, já baixei inúmeros, mas nenhum era realmente bom. Então enquanto falava com uma amiga eu comentei sobre essa busca infinita, e ela me recomendou um aplicativo muito bom e grátis, o que é melhor ainda, certo? haha.

O aplicativo se chama “VK”, e até agora todas as músicas que eu pesquisei estavam disponíveis, estou usando ele faz alguns meses, tem sido ótimo! É preciso fazer um cadastro, mas é tudo bem simples e rápido.

Na verdade, o VK não é um aplicativo apenas de música, se trata de uma rede social onde você pode adicionar amigos, compartilhar fotos, salvar vídeos, músicas, jogos, conversar com seus amigos, etc. Como eu estava procurando um aplicativo somente para músicas, esse é o único recurso que uso, por isso não posso falar muito dessas outras opções.

Assim como o Spotify, ele não baixa as músicas no seu celular, você pesquisa o nome da  música/artista, e salva para ouvir no app, assim é possível ouvir mesmo sem internet.

É bem simples de mexer e salvar as músicas desejadas. Ao abrir o aplicativo, você será direcionado para a página de “Notícias”, que nada mais é do que o seu feed, onde você pode visualizar tudo o que seus amigos e as comunidades adicionadas estão compartilhando/postando (no caso eu não uso esse lado de rede social do aplicativo). Tocando nessa “coisinha” (como é o nome disso? Não sei -_-) irá aparecer as outras opções do aplicativo (1).

página inicial vk

A aba de “Respostas” é onde fica as notificações sobre as curtidas que você recebeu, solicitações de amizades aceitas e coisas do tipo. Em “Mensagens” é onde estão as suas conversas.

Em “vídeos” você pode adicionar links de vídeos, assim é só entrar nessa aba, selecionar o vídeo desejado e você será direcionado para assistir o vídeo no YouTube.

como salvar o link d videos

Depois de vídeos vem a minha parte favorita e a que realmente uso: “Músicas”. Para adicionar uma música, basta pesquisar pelo nome da música ou do artista, escolher alguma das opções e clicar nessa aba de reprodução que surgirá assim que você selecionar a música (1), depois clique nesses “três pontinhos” que estão no canto superior direito da tela (2), escolha a opção “salvar” e assim a música será adicionada a suas músicas (3)

como salvar músicas

Para ouvir as músicas que você já salvou, é só voltar para a página inicial da aba de músicas, clicar no nome “minha música”, e selecionar a opção “arquivos salvos”, pronto! Você verá todas as músicas que já estão salvas.

PicMonkey Collage

O legal é que você além de poder salvar as músicas originais, pode salvar também covers, fora que algumas músicas tem a letra, e eu que amo ouvir e cantar ao mesmo tempo, acho ótimo!

Achei um ótimo aplicativo e no meu celular não fica travando. Consigo baixar todas as músicas que pesquisei com uma boa qualidade.

Você pode usar todas essas opções pelo site Vk.com, ou baixar o aplicativo no seu celular.

* VK (App Store) VK (Google Play) *

Anúncios
Destaque

Lidando com a escola nova

tumblr_inline_mk477bipdT1qz4rgp

Tudo que é novo certamente nos causa uma certa insegurança, e na época de escola as coisas parecem bem assustadoras quando estamos em um ambiente novo com pessoas completamente desconhecidas. Mudar de escola é com certeza um grande desafio. Na última vez em que passei por essa situação, foi algo bem difícil porque eu também estava tendo que lidar com o fato de estar em uma nova cidade. Sempre passei por isso na minha vida, mas só agora quero fazer dessa mudança algo bom, então porque não tentar fazer outras pessoas verem isso como algo positivo?

  1. Não finja ser outra pessoa para se encaixar em grupos

Sei que todo mundo diz isso, mas é a mais pura verdade. Ser outra pessoa para tentar conseguir fazer novos amigos, ou ser alguém popular, não faz sentindo. Vai chegar um momento que você simplesmente não conseguirá manter essa encenação. E como já sabemos, o bom é ter amigos que gostam de nós como nós somos.

       2. As outras pessoas podem estar tão inseguras quanto você

Na maioria das vezes nós achamos que a nossa situação é a pior, ou que todos já tem seus próprios amigos e ninguém vai ter interesse em conversar conosco. A verdade é que nós ainda não conhecemos ninguém, não sabemos quem também é novato ou não, por isso eu procuro pensar que aquelas pessoas estão tão inseguras quanto eu estou, que elas estão tão preocupadas se vão fazer algum amigo quanto eu estou, e que elas estão com tanto medo das novas matérias quanto eu estou, enfim, quem sabe elas não estão na mesma situação que eu?

        3. Nos momentos livres, faça algo que você goste de fazer

Eu não sou do tipo que sai pela escola falando com todo mundo, e no primeiro dia já conseguiu até alguns amigos. Pra não correr o risco de ficar de “cara pra cima”, procuro fazer coisas que eu gosto, assim o tempo passa mais rápido. Se você gosta de ler, leve um livro e leia durante o recreio, no momento em que não estiver fazendo nada na sala de aula. Nem todas as escolas permitem que o aluno leve o celular, mas algumas liberam o uso durante o recreio, então quem sabe ouvir músicas? Desenhar, escrever…

         4. Querendo ou não, você conhecerá pessoas novas

Já cheguei em escolas novas com o pensamento “estou aqui somente pra estudar, não sou obrigada a conseguir fazer novos amigos”, mas a verdade é que há quase 100% de chances de você fazer novos amigos. Isso pode ser ótimo! quem sabe você esteja cheio de colegas que na sua mente são amigos, e esteja precisando encontrar pessoas boas de verdade? Por isso não se esforce taaanto para fazer novos amigos, mas também não se feche a experiência de fazer novas amizades.

           5. Se nada der certo, lembre-se que um dia acaba

Sim, obviamente um dia vai acabar, por isso eu procuro não me preocupar tanto com essa coisa de escola nova, se não der certo, se eu não gostar de ninguém, ou se ninguém gostar de mim, tanto faz, é só uma fase, um momento que vai passar, mesmo que pareça demorar. Fora que se as coisas estiverem indo tão ruins assim, você pode conversar com seus pais e mudar de escola.

Bom, não é fácil, e eu procuro encarar isso como uma experiência nova, um desafio, uma nova oportunidade, e coisas novas são ótimas e necessárias na nossa vida. O importante é aproveitar e não ficar pensando que esse é o pior momento, ou que está tudo horrível, ok?

 

 

Destaque

WordPress é uma boa plataforma?

wp

Esses dias a Carol migrou do Blogger para o WordPress, e antes disso falou comigo em relação a minha opinião sobre essa plataforma.Então tive a ideia de fazer esse post, porque assim como ela, outras pessoas também podem estar pensando em mudar, mas tem uma certa duvida.Ela fez um post explicando melhor sobre a mudança, o que está achando, e algumas dicas a mais, então se quiser ver, clique aqui, vai ser uma ajuda a mais.

Antes de ter esse blog, já tive muitos outros de outras plataformas, por isso consigo fazer uma comparação. Quando decidi criar o Enquanto eu leio, procurei por uma plataforma que fosse simples, porém com boas ferramentas, também quis algo que tivesse bons temas personalizáveis. Pesquisei bastante e decidi entrar no WordPress, onde o cadastro é bem simples e rápido de ser feito.

Já vi muitas pessoas falando que o WordPress não é simples para fazer posts, e entre outros aspectos também. Quando via alguém falando isso ficava na dúvida, mas desde o inicio não achei nada complicado, pelo contrário, bem simples, de fácil entendimento, tanto para fazer posts, quanto para gerenciar o seu blog. As estatísticas são bem detalhadas, te dizem quais posts e páginas foram mais visualizados, dando  número de visualizações no total e em cada post e página, os países que visitaram e mais.

Algo que sempre me preocupou muito é o tema do meu blog. Nas outras plataformas, nunca achava bons temas, e mesmo personalizando eles, ainda assim não me agradavam. No WordPress encontrei bons temas que nem precisam de tanta personalização assim. Algo que me desapontou é que aqui você não consegue colocar um layout como faz no Blogger, se não me engano, isso só é possível se você tiver o domínio (.com/.com.br…) do blog.

Até agora a plataforma tem suprido as minhas necessidades. Não trava, é bem simples e ao mesmo tempo completo. Muito fácil e prático de gerenciar o seu blog.

Caso tenham algumas duvida deixem nos comentários e farei o possível para responder. Se você usa o WordPress, por favor comente o que está achando, o que gosta e o que não gosta, para ajudar outras pessoas que pensam em usar a plataforma.

Untitled

Dicas para posts (parte 2)

Untitled

Quando completei meus 100 posts quis fazer algo para “marcar” a data, então resolvi dar algumas dicas para fazer posts. Vou deixar o link da parte 1 no final do post pra quem quiser ver as outras dicas. E vou repetir o que disse no primeiro post: essas dicas não estão vindo de nenhuma profissional, mais sim de alguém que está começando a ter uma certa experiência, mesmo assim espero ajudar.

“Não tenho uma câmera boa e por isso sempre pego imagens de outros blogs”

Muitas pessoas dizem que não produzem fotos originais nos seus blogs por conta da câmera. Não é errado ou proibido você usar imagens de outros blogs, o problema é que na grande maioria das vezes as pessoas usam a imagem sem pedir autorização e nem dar o devidos créditos. Se você quer usar certa imagem de um blog entre em contato com ele pedido autorização para usa-la, e SEMPRE coloque o link do mesmo. O ideal realmente é você sempre que possível produzir sua próprias imagens, e evitar o máximo usar imagens de outros blogs.O Tumblr tem imagens lindas assim também como outros sites do tipo, salve as que gostar e depois vá editando, colocando o nome do post na imagem, assim mesmo que não 100% mais será algo produzido por você. Lembre-se sempre de dar os créditos e pedir autorização, pois o dono do blog pode até mesmo processar você.

Formatação de texto

Uma coisa muito, muito, muito importante é a formatação do texto. Eu pelo menos não consigo ler por muito tempo um texto sem formatação, com cores berrantes e etc. Mesmo tendo aquele layout lindo o seu texto pode acabar com a beleza do seu blog. Não escreva com cores berrantes, do tipo amarelo,vermelho,azul, verde outras, procure colocar sempre preto ou um cinza escuro que é o que estou gostando de usar. Se quer destacar alguma frase ou palavra use o modo negrito, e se não for colocar na cor preto, escolha cores mais suaves e não tão chamativas quanto as que mostrei, dessa forma fica bem mais confortável ler. Alinhamento do texto também é uma das principais coisas a se formatar, eu prefiro usar o tipo justificado que é esse onde os dois lados do texto ficam retos, além de mais bonito, também passa um ar de mais organizado, mais se você preferir também pode usar o alinhamento para a esquerda, onde somente o lado esquerdo vai ficar alinhado, acho que os mais apropriados são esses dois. Procure deixar as imagens com um tamanho padrão, faz toda a diferença no visual do post.

Ortografia

Momento crítico agora haha. Já perdi a conta de quantas vezes entrei em um blog por conta de um post com título muito legal, mas não passei um minuto lendo, por conta dos erros de ortografia. Nem sempre vamos acertar obviamente, as vezes tem um erro ali e outro aqui, porém temos que tentar evita-los sempre, se está em dúvida em relação a como se escreve tal palavra é só ir no Google e pesquisar, quando terminar de escrever o post sempre leia, e quando postar leia mais uma vez. Não escreva com abreviações e gírias, muita gente gosta de escrever abreviando as palavras por conta do hábito, é preciso saber que você não está em uma conversa no WhatsApp, então procure escrever da melhor maneira que conseguir.

Copiar e colar um post de outro blog

Já vi blogs com textos de outros sem no mínimo o link do original. Acho que diferentemente das imagens, os textos não devem ser copiados NUNCA, seja com link ou sem link, cada um deve ter o seu conteúdo original, postar aquilo que for de sua autoria. Acho horrível plágio e fora que você também pode ser processado.

Finja estar conversando com alguém.

Algo que me ajuda muito na hora de escrever um post é fingir que eu estou conversando com alguém, e na verdade é como se fosse isso mesmo. Escreva sempre pensando em quem vai ler, assim eu pelo menos fico mais preocupada com tudo que coloco no post, pois é óbvio que quero agradar quem está lendo o meu post. Quando você conversa com alguém é sempre de forma natural sendo você mesmo, e é por isso que acho legal fingir uma conversa, pois tem que ser algo natural, deixar transparecer quem você é, sem forçar nada, apenas sendo você mesmo.

E essas são as minhas dicas, como disse no inicio, tem mais dicas relacionadas ao assunto na parte 1 desse post, para conferir e aproveita-las é só clicar aqui.

                                                                      

                                            Acompanhe as redes sociais do blog:

                                                   Facebook Instagram ♥

Sem título

Aplicativo do Skoob

Uma coisa que está deixando os leitores dependentes do Skoob (\o/) muito felizes é que finalmente o aplicativo do nosso amado, querido e salvador de vidas Skoob está disponível para download. Não baixei assim que disponibilizaram e ontem resolvi baixar sem muitas expectativas e gente! Como eles conseguiram nos manter longe desse aplicativo por tanto tempo? É maravilhoso, muito prático e continua nos ajudando a organizar perfeitamente nossas leituras.

Fotor_142976462496393[1]O aplicativo ficou bem simples e por isso fácil de se mexer. Eu consigo ver e organizar tudo da mesma forma que fazia no site só que de uma forma mais acessível, afinal sempre estamos com o nosso celular por perto.

Fotor_142976481639761[1]

Todas as categorias em que a estante é dividida permanecerem com as mesmas cores e formatos.

Fotor_142976467405886[1]

Para pesquisar por um livro é só colocar o nome do mesmo, assim como era feito no site, porém no aplicativo há uma nova forma de pesquisar pelo livro desejado, é só tirar uma foto do código de barras do mesmo, achei bem prático e mais rápido, pois achamos logo a versão e capa que queremos salvar na nossa estante virtual.

E esse é o aplicativo do Skoob que eu estou viciada, porque ficou muito mais prático atiliza-lo, sendo que muitas pessoas não gostavam tanto de terem de ligar o computador e acessar o site toda vez que queria atualizar sua página, agora ficou prático, simples e rápido, sem desculpas para não manter sua estante organizada.

                                                                             

                                                  Acompanhe as redes sociais do blog:

                                                         ♥ Facebook  Instagram 

Sem título

Dicas para posts (parte 1)

Esse post é muito especial e eu estou muito feliz, porque é o 100° post do blog, e pode até parecer pouco ou algo não tão especial para alguns, mas pra mim que não esperava conseguir é sim especial, e para “comemorar” eu decidi dar algumas dicas que servem desde o  momento de decidir sobre o que falar até a montagem do post em si. Lembrando que essas dicas não estão vindo de nenhuma profissional, mas sim de alguém que está começando a ter uma certa experiência, mesmo assim espero ajudar. Como sei que vai ficar bem comprido decidi dividir em duas partes, então ainda vai ter outro post com mais dicas, aguardem haha.

Untitlei

Sobre o que escrever?

Isso vai depender do que você fala no seu blog, mas sempre procure falar do que você gosta sem fugir muito do tema principal do blog. Se você não tem um tema específico tipo “moda, maquiagem, livros e etc” fale sobre tudo o que gosta, te inspira, teus sonhos, uma coisa que você está usando e gostou, um livro que leu, sua série favorita, filme etc.

Fiquei sem ideia, e agora?

Primeiramente é muito importante ter um caderno, bloco de anotações ou uma pasta no seu celular para ir anotando todas as ideias de posts que você está tendo, assim sempre terá alguma coisa para você escrever. Mas e se as ideias anotadas também já acabaram? Aí já é mais complicado e ao mesmo tempo não, porque tudo pode virar um post. Tire as ideias do seu dia a dia, uma viajem, um filme, uma maquiagem, um lugar que você foi e achou legal, um aplicativo que você está usando muito, seus blogs favoritos, dicas… É só usar a imaginação, lembrar de coisas que você gosta e escrever, claro que nem sempre é tão fácil, por isso tente sempre pensar e ir anotando tudo para que nunca fique vazia a sua lista de posts a serem feitos.

Quero fazer um post sobre assunto X, mas todo mundo já está fazendo.

Isso vai muito de cada pessoa, algumas acham melhor escrever sobre outra coisa, outros já preferem escrever mesmo assim. Dependendo do assunto eu procuro não escrever, mas acho legal, porque afinal se muita gente tá fazendo isso significa que o tema está sendo muito pesquisado o que pode trazer mais visualizações para o seu blog. Na hora de fazer um post sobre algo que todo mundo está escrevendo, mais que nunca você deve ser você mesma, pois é isso que vai te diferenciar dos demais, se você escrever do mesmo jeito ou igual a todo mundo, pouca gente vai se interessar, afinal existem outros mil do mesmo jeito, já quando você escreve do seu jeito vai ter um diferencial, o que vai fazer com que as pessoas possivelmente gostem mais.

Gostei de tal assunto, mas não sei muito sobre ele, mesmo assim devo escrever o post?

Para falar sobre algo é importante conhecer o assunto, se você não sabe muito sobre algo mas quer fazer um post sobre, pesquise bastante até dominar e conseguir falar normalmente. Na hora de pesquisar você obviamente vai ver posts sobre o assunto, e é importante seguir a dica que eu dei no tópico anterior, seja você mesma, escreva sobre o assunto do seu jeito, não copie ou tente fazer parecido com o do blog tal só porque ele é famoso ou você gostou da forma como a blogueira escreveu, sempre faça do seu jeito.

Vi um post em tal blog, gostei e vou fazer também.

Não é proibido você ver um post em um blog, gostar e ir fazer no seu, o problema é que muita gente faz isso sem dar os devidos créditos a blogueira que fez o post original. Não é nada difícil dizer que o seu post é inspirado no post que o blog tal fez, e claro colocar o link da pessoa. Quem escreveu o post original teve todo um trabalho para pensar, escrever e publicar aquele post, e você além de estar indo fazer um post sobre o mesmo tema ainda não quer colocar um simples link? Claro que as vezes nós mesmos pensamos em post que outras mil pessoas já fizeram, mas não nos inspiramos em nenhum dos mil, a ideia simplesmente surgiu, nesse caso você obviamente não vai precisar linkar ninguém, mas estou falando no caso de ter a ideia após ter visto o post X. E novamente digo, não copie ou tente fazer parecido, escreva do seu jeito, tenha o seu diferencial.

Não consigo fazer posts grandes

Muita gente acha que os melhores posts são aqueles compridos, com muitas palavras e quando não conseguem escrever algo assim, acham que não está bom. Nem sempre os maiores posts são os melhores, eu mesma já li vários com poucas palavras mas cheios de informações,algo bem feito. Desde que você não faça de qualquer jeito não tem problema escrever pouco. Há posts pequenos e resumidos que ficam muito melhores do que posts gigantes. Se preocupe primeiro com a qualidade.

E essa foi a parte um do post “dicas para posts”.

Agora sobre a minha felicidade de ter chegado aos 100 posts haha, nem acredito que o blog já está com seis meses, passa muito rápido e nesse período eu fui escrevendo, escrevendo coisas sem sentido, com sentido, desnecessárias, que inclusive já pensei em excluir mas achei melhor deixa-las, porque se não fosse por esses posts ruins eu não teria evoluído, claro que eu sei que os posts que eu faço hoje ainda tem muito o que melhorar, e estou fazendo o possível para que isso aconteça, mas também sei que já melhorei bastante e pretendo continuar evoluindo.

Espero que tenham gostado e que eu tenha ajudado, lembrando que ainda terá a parte dois com mais dicas.

                                                                     ♥

 Sem título

2 canais/blogs que eu indico

Untitled

     Sempre estou descobrindo novos blogs e canais que falam de livros, mas são poucos, na verdade contados, aqueles que eu realmente acompanho e olho todos os dias. Eu tenho que achar realmente legal pra passar a acompanhar. 

      Quero sempre que possível indicar canais e blogs pra vocês e é o que vou fazer hoje. Já fiz um post nesse estilo, onde eu mostrei 4 canais/blogs literários que eu acompanho, e pra quem quiser ver o link vai estar no fim do post.

      10582226_738263549589276_387546274_n

      Faz um bom tempo que conheci o canal e o blog da Marcela, mas só passei a acompanhar realmente esse anos há alguns meses. 

      No seu blog e canal ela fala de livros, e de uma forma muito boa,  que da sempre vontade de ler e assistir mais. O canal é atualizado toda sexta-feira.

Sempre achei difícil falar sobre mim. Não sei quem eu sou, não sei quem eu serei amanhã. Então basicamente sou eu.
Acredito que boa parte de toda a minha vida eu estive na presença de livros. Livros grossos, finos, velhos, novos, aqueles pedindo para serem lidos, aqueles abandonados. A influência veio principalmente da minha família. Meus avós (maternos e paternos) sempre tiveram a leitura como um hábito. 
Sou leitora compulsiva, não consigo sair de site de compras sem colocar livros no meu carrinho. 
Possuo um carinho imenso por todos que completam meu dia-a-dia. Seja minha imensa família, minhas amigas atoas, os meus amigos que eu criei com o tempo graças ao blog. 
Sou aquela pessoa que fica até altas horas apenas escutando os problemas e dando conselhos.
Essa sou eu.
Leitora, estudante, paulista, puxadora de “r” na hora de falar, idiota, odiada pelos correios da cidade, talvez uma futura escritora, apaixonada por tudo o que faz parte do cotidiano, leitora de romances água com açúcar, viciada em Friends e em brigadeiro (tecnicamente, tudo o que faz mal).
Eu poderia passar o dia inteiro falando quem sou eu, ser divergente algumas horas pois eu sou assim. Hoje posso ser X mas amanhã eu posso ser Y. Mas se isso acontecer eu conto aqui no blog pra vocês!
Bem vindos a minha casa, sintam-se a vontade para comentar e dar opiniões!

    Blog: O Cantinho Literário

    Canal: Marcela Cilento

tumblr_njdmblG3Y71rdf7bwo1_250

     Conheci o canal da Thaís através da Pam que fez um vídeo indicando canais, fiquei curiosa e decidi visitar, desde de então não consigo mais parar de acompanhar haha. Além do canal ela também tem um blog onde posta seus textos e criações, porém não tão atualizado por conta de ter sido criado para publicar coisas de sua autoria.

Leio muitos livros, mas os meus preferidos são aqueles que falam sobre pessoas problemáticas. Também gosto de escrever sobre elas. Eu sei, esquisito. E tem mais coisas esquisitas sobre mim: tenho uma obsessão nada saudável por sobrancelhas e água com gás. Agora, let’s carpe the hell out of this diem.

   Blog: Book Dilemma

   Canal: The Book Dilemma

    E esses são os dois canais/blogs que eu indico pra vocês, espero que gostem.

Post 4 canais/blogs literários que eu acompanho e indico

Sem título

Como me organizo com o blog

d

    Organização e administração do nosso tempo é algo sempre muito necessário em diversas áreas da nossa vida. Quem tem blog sabe o quanto é trabalhoso, e se não houver o mínimo de organização e disciplina se torna impossível manter todos os post’s e outros assuntos em dia. No começo achava que não, mais com o passar do tempo, percebi que tinha que me organizar ou não ia dar certo, por isso hoje eu vou mostrar como eu me organizo.

  • Agenda

h

DSC06591

    Agendas são algo que nunca davam certo pra mim, sempre me esquecia de anotar algo e acabava abandonando, resolvi tentar novamente e está dando muito certo. Tenho uma só para o blog, onde anoto tudo o que tenho que fazer relacionado a ele durante o dia. Gosto de anotar durante a noite, sempre nesse período sento na cama e vou lembrando tudo o que eu vou ter de fazer, desse jeito eu nunca esqueço. 

  • Agendamento de post e rascunhos

Capturar

     Eu não costumava agendar post, mais passei a fazer isso e tem me ajudado muito, não agendo todos os posts, mais sabe aqueles dias que você sabe que não vai ter tempo para atualizar o seu blog? Pois é, costumo agendar posts nesses dias, assim mesmo estando ocupada eu sei que vai ter post novo no blog. Outra coisa que me tem feito economizar tempo e me ajudado muito é fazer rascunho de posts, porque as vezes eu tenho tempo mais é pouco, por isso procuro gastar pouco tempo, e com o rascunho já feito é só acrescentar algumas coisas e publicar, ou então eu deixo o post todo pronto e depois só faço postar.

  • Caderno de ideias

DSC06577

                                                                                   ♥

DSC06585

     No primeiro mês de blog, eu ficava sem ideias de posts muito rápido, e as vezes tinha várias ideias legais que depois esquecia, passei a anotar tudo em um caderno, e conforme vou fazendo vou riscando. Não uso ele somente quando estou sem ideias, mais sempre que vou fazer um post, porque lá ficam os posts que eu tenho que fazer e não os reservas para quando eu estiver sem ideia.

  • Dia de fotos

DSC06607

      As imagens que tem aqui no blog são tiradas e editadas por mim. Quando comecei a produzir minhas próprias fotos eu sempre tirava elas no dia que ia fazer o post, mais não estava dando certo, porque as vezes eu estava sem tempo, então eu resolvi tirar um dia só para tirar todas as fotos da semana, e vou só passando para o computador e colocando nos posts. Não tenho um dia X pra fazer isso, mais geralmente são nos finais de semana, ou naqueles dias que não tem quase nada pra fazer.

  • Dia de posts

     Também gosto de ter um dia só para fazer posts e deixar prontos para a semana, não faço isso com muita frequência, mais quando faço me ajuda muito no restante da semana. 

      Eu sou colaboradora do blog Carol Até o Fim, e nos dias 5, 16 e 26 de cada mês faço postagens no blog da Carol e ela aqui no blog. Para não correr o risco de não enviar o post no dia, ou em cima da hora, eu passei a fazer eles com antecedência e tenho procurado enviar o quanto antes, assim já fico livre e sem riscos.

       E é assim que eu me organizo e tento manter tudo atualizado. E quais são as dicas de vocês?

TBR – O que é, e como ter a sua

Fotor_142717018170314

    Recentemente eu resolvi fazer uma TBR, e aí eu resolvi mostrar pra vocês o que é, e como fazer a sua. Sei que a TBR já está bem conhecida, mais eu vou mostrar do mesmo jeito, porque eu sou meio desligada e acabo sabendo das coisas depois de um tempão haha.

  • O que significa TBR?

TBR é uma abreviação da frase em inglês To Be Read, que em português é a nossa famosa lista Para Ler, e as palavras book e jar significam, respectivamente, livro e jarro. Assim, em resumo, TBR Book Jar quer dizer, basicamente, Jarro de Livros Para Ler.

       Como vocês viram, TBR significa um vaso de livros para ler, é onde você vai colocar a sua lista de livros não lidos.

  • Pra que serve e como funciona?

      Ter uma TBR é muito bom para quem tem muitos livros não lidos acumulados, mais claro que quem assim como eu que não tem uma grande lista também pode ter. O mais legal é que essa brincadeira tem regras, e é importante segui-las. 

  • Não coloque livros que você GOSTARIA DE LER, MAS AINDA NÃO EXISTEM NA SUA ESTANTE (tipo, você tem que comprá-lo para poder ler);
  • Não coloque os livros dos amigos;
  • Livros com prazo de leitura não devem ser colocados;
  • Se você comprou mais livros, coloque o nome no jarro;
  • Se você sortear um livro, é este livro que você lerá (nada de trocar de tirinha até aparecer o que você quer ler, isso é trapaça!!), a menos que você sorteie um que você tenha lido. Daí você retira essa tirinha e pega uma nova.

        A quantidade de vezes que você fará esse sorteio vai muito de cada um, eu por exemplo vou sortear um livro uma vez por mês, mais você pode sortear um livro todas vez que terminar uma leitura, enfim, do jeito que você achar melhor.

  • Como fazer

        Enquanto fiz a minha lista, fotografei tudo e se ainda não entenderam muito bem, agora vai ficar mais fácil.

Fotor_14271710491523

    Você vai precisar de um recipiente, que servirá para colocar o nome dos livros. Use aquilo que você quiser e tiver em casa, pode até ser uma embalagem de alimento.

Fotor_142717076433811

                                                                                      ♥

Fotor_14271708179654

   Para deixar mais bonito, eu colei um lacinho na frente, e é legal você customizar do seu jeito, para deixar bonito e mais a sua cara, afinal esses potinhos são ótimos para a decoração. Use a sua imaginação.

Fotor_142717089366145

      Agora procure pegar papeis coloridos.

Fotor_142717086287737

    Escreva da forma que preferir o nome dos livros que você ainda não leu.

Fotor_142717091972032

                                                                                        ♥

Fotor_142717101326978

      Dobre todos de forma que não seja possível ver o que está escrito, e em seguida coloque tudo dentro do potinho. 

Fotor_142717095628489

    Depois disso é só sortear o papelzinho e ver que livro vai ser a sua próxima leitura. Lembre-se das regras e procure segui-las para que a brincadeira não perca a graça.

Fotor_142717098453844

   Como vocês viram é fácil, e não é só quem tem muitos livros acumulados que pode fazer, mais também aqueles que assim como eu não querem acumular. É ótimo para organizar e manter em dia suas leituras de uma forma divertida, afinal não vai ter aquela coisa de que não vou ler esse livro agora, porque esse deve ser mais legal. Espero que tenham gostado e que façam também. Comentem o que acharam da ideia.

7 dicas para quem comprar livros na internet

            Oi gente! Tudo bem com vocês?

             Comprar livros na internet é sempre muito bom, afinal de contas, o preço costuma ser bem mais barato, o que nos permiti almentar o número de livros a ser comprados. Sempre existem aquelas dicas que vão nos ajudar a encontrar um bom preço, com segurança e qualidade, e foi pensando nisso que eu fiz o post “7 dicas para quem quer comprar livros na internet”, para quem quiser ver e aproveitar essas dicas, é só clicar aqui, que você será direcionado lá para o blog Carol Até o Fim, onde eu fiz esse post, espero que gostem, e não se esqueçam de olhar os post’s que a Carol faz, tenho certeza que vão gostar.